A Calça Jeans Perfeita

Comprar calça para mim é sempre um parto. Aliás, bottons em geral. (Na falta de uma boa palavra em português.) Saias até que não dão tanto trabalho, mas não são um problema porque as uso muito pouco. Shorts, sim, são um problema. Tanto que, geralmente, saio da loja com o mesmo modelo de sempre: jeans, curto, folgadinho, com a barra dobrada ou desfiada. Mas o assunto de hoje não são shorts – mesmo que eles tenham sido meus melhores amigos nesses meses quentes.

O assunto é calça e calça é um problema. Eu praticamente desisti daquelas de outro tecido que não seja jeans. Até para comprar uma calça de moletom para caminhar, eu tive dificuldade. Sempre me sinto esquisita nas calças de pijama e ainda me lamento de não ter achado uma única calça de tecido molinho estampado na época em que elas estavam em alta.

Então sempre corro pro jeans, aquele lindo. Ainda assim, é sempre um parto comprar uma única peça. Eu gosto de comprar roupa, é claro. Blusinhas é uma delícia, é entrar na loja, pegar uma tonelada, e se sentir bem na maioria e sofrer para escolher qual levar. Mas calça jeans é um saco. Entro em mil lojas, experimento dezenas delas, olho-me no espelho de todos os ângulos, me sinto gorda, me sinto magra, acaba com a autoestima da gente. Gosto de roupa nova, mas não gosto do sacrifício de entrar de loja em loja, de provador em provador. Principalmente nesse calor senegalês. (Me parece que essa expressão está na moda.)

Hoje, fomos no shopping. Em Ribeirão, porque lá tem mais opção e porque em São Joaquim não tem fast fashion. Só tem boutique que lhe cobra os olhos da cara por uma peça que você sabe que não vale tudo aquilo e vendedoras que lhe tratam mal se você não tem cara de ryca (assim, com y mesmo, e eu não tenho). E também tem lojinhas menores, de gente bacana que pode ser até seu vizinho, mas que precisam preços altos para manter as portas abertas. E tem o plus da vendedora supostamente boazinha, mas que quer lhe enfiar a loja toda goela abaixo. Por essas e outras, gosto de fast fashion. Liberdade para vasculhar as araras e experimentar tudo com calma, preços razoáveis e qualidade idem.

Enfim, como eu ia dizendo, fomos ao shopping com a missão de me comprar uma calça jeans. Eu não quis transparecer, mas já estava nervosa. Comprar calça é sempre um parto, eu pensava. Eu decidi pela C&A porque me dei muito bem com os dois últimos shorts que comprei lá. Vasculhei as araras de remarcações e de novidades e acabei selecionando cinco calças. Todas elas tinham os preços muito bons (de $30 a $80) e eram muito bonitas.Quatro 38, uma 36 (tem que arriscar, né, gente, eu usava 36 até ontem).

Me fechei nos provadores com as tais calças. E a Gisele Bundchen na parede. Oi, Gisele. Não repara nas gordurinhas abdominais, ok? Experimentei a primeira e alívio: larguíssima, até na cintura. A cintura é sempre um problema. Experimentei a segunda, serviu, mas não gostei. Calça que a gente torce o nariz experimentando nunca deve ser levada para casa. É fria! Vai ficar encostada. A terceira também ficou larga. A quarta, que era da coleção da Gisele e tamanho 36, surprise surprise, ficou apertadíssima. Quase desistindo, peguei a última calça. Foi a que menos me empolgou no cabide, talvez por ter a lavagem mais escura (prefiro calças mais claras). Fui colocando sem maiores dificuldades, mesmo sendo uma calça bastante justa (super skinny, diz a etiqueta). Entrou no quadril sem maiores problemas. Mas meu quadril é fácil, minha querida, te desafio a fechar na cintura. Pois bem, não é que ela deu conta do recado? Fui lá e pronto: zíper e botões fechados. Parecia que a calça havia sido feita sob medida, caiu como uma luva. Tipo quatro amigas e um jeans viajante.

Fiquei muito satisfeita. Meu, isso não acontece todo dia. Eu tenho um tipo de corpo que vai na contramão do biotipo brasileiro. Enquanto a maioria das meninas tem quadris largos e coxas grossas, eu tenho quadril estreito e pernas finas. Enquanto a maioria das meninas engorda e ganha culotes, eu engordo e ganho barriga. As calças jeans vendidas no Brasil são para esse tipo físico: elas costumam ser mais largas no quadril e mais justas na cintura. E isso acaba f****** a minha vida. A maioria das calças que experimento, servem na cintura e ficam largas demais nas pernas e quadril, dando um efeito que chega a ser cômico. Quando ficam perfeitas nas pernas e quadril, nunca fecham. Então, raramente, encontro uma calça que serve direitinho, que funciona. E, pela segunda vez na vida, encontrei a calça jeans perfeita.

Anúncios

11 comentários sobre “A Calça Jeans Perfeita

  1. Acho que nunca encontrei um jeans perfeito. Tem uns que são muito confortáveis e com lavagem feia. Os bonitos e confortáveis que não fica perfeitos. Os folgados e com lavagem perfeita. Ai ai. Uma vez, na escola, disse “não gosta dessa calça” e uma amiga perguntou por que eu a vestia se não gostava dela e eu respondi dizendo que a calça era confortável e tal. É realmente complicado comprar esse tipo de coisa.
    Fico feliz de você ter encontrado uma segunda calça jeans perfeita. :D

  2. eu odeio muito comprar roupas! >< blusas, calças, shorts, biquini. eu não tenho muita consciência de como é o meu corpo, então eu nunca sei procurar o que ficaria melhor. vou pela cara, e no fim, nunca gosto de nada sempre me achei magra, mas as calças justas não ficam boas em mim, as largas tampouco... :P por isso que uso as mesmas roupas há 4, 5 anos... mas bom saber que você encontrou a calça jeans perfeita! isso quer dizer que ainda há esperança, rs

  3. Eu de-tes-to compra calças jeans. Uso tamanho 42. Só que uma calça 42 é mais comprida que minhas pernas. Mais larga que minha cintura. Só fica ideal para passar nos meus quadris, que não aceitam mas tamanho 40 tem teeeeeeempo. Todas as minhas calças tem que ser reformadas depois de compradas e eu sempre imaginei que se tivesse pernas mais finas talvez fosse mais fácil. Já vi pelo seu post que não, isso não é verdade hahaha. Que bom que você conseguiu achar uma calça jeans perfeita, um dia eu chego lá!
    Beeijo,
    Fran

  4. Também adoro roupas novas, só acho um saco ter que ficar provando 500 pra no fim só levar 1, kkkkkkk Acho que calça jeans é o que me dá mais problema também, blusa é que nem você, provo várias, a maioria fica bom e eu tenho escolher quais levar no fim. Mas calça já é mais complicado, mesmo sendo do biotipo brasileiro hehe Tenho as coxas grossas então as vezes não entra, ou quando entra fica folgado na cintura, ou às vezes cabe tudo, mas fica grande no tamanho, mas daí é menos pior porque dá pra fazer a bainha (é assim q escreve? kkkk). A minha queridinha da vez foi por um acaso que comprei, estava no centro da cidade comprando besteiras quando vejo uma loja com uma calça na vitrine por 29,90, não resisti e fui ver como a calça ficava em mim, saí de lá com a de 29,90 e outra de 39,90 q achei. Essa de 39,90 é a minha preferida no momento, fica linda em mim e nem precisou fazer a bainha, a de 29,90 sim! E olha que eu comprei numa loja desconhecida por uma baguatela.. :D

    Beijo!

  5. Você acha que tem problemas comprando roupas em qualquer lugar? Experimenta ser XXEGGG – ou, como diz minha mãe “M de Monstro, ou E de Enorme”. Eu tenho vontade de morrer – ou de matar alguém, o que vier primeiro – toda vez que eu sou obrigada – literalmente – a comprar roupa nova. É um parto e três pedras no rim.

  6. Gente, 36! 36!!!! 36 não passa nem pelos meus joelhos, imagina pelas minhas coxas/quadril. Só nos meus sonhos mais loucos mesmo. Eu tenho uma dificuldade pra comprar roupa porque tenho a bunda muito grande e as pernas muito grossas, gostosona mesmo, mas não tenho vontade de me vestir de panicat. Então tudo fica justo, curto, mostrando a beirada da bunda. Chorei esse fim de ano tentando comprar a roupa do Natal, porque se o vestido servia no busto (que nem é tão pequeno), o forro não passava pela bunda giga. Ou se abarcava a monstra, ficava dançando na parte de cima. E sempre, sempre, mostrando o fundo das calças.

    Agora, calça jeans é assim, sempre fico parecendo uma linguiça, massss sou fã das Jeggings. Encomendei uma da American Eagle pra uma amiga que ia viajar e ficou ótima… Confortável, com a lavagem escura e linda, e sem aquela sensação que eu vou morrer espremida com aquele botão. (não gosto de calça)

    Massss mesmo assim, adoro comprar roupa! Vai saber.

  7. Quando li o título do post lembrei logo de “4 amigas e um jeans viajante” e olha, eu sofro igual quando vou comprar calça. Partes de baixo em geral é complicado de achar para mim: as saias ficam estranha atras parecendo um “patinho” isso porque não fiz jus ao jeito brasileira de ser. As calças ficam afogadas no quadril, os shorts nem se fala! Me dou bem mesmo com vestidos: dois coelhos, uma cajadada! Na verdade ñ vejo a hora de sair do colégio e ter que usar jeans to dia…grrr

    Adorei seu texto! Ri muito!

    =)

  8. Compreendo seu drama perfeitamente. Meu problema é justamente encontrar uma calça que não fique larga nas pernas. Odeio quando a calça serve na cintura, mas fica sobrando embaixo. Mas nem vou dizer qual é o meu tamanho porque o número que você usa já me “aomilhou” bastante HAHAHAHAHAHAHA

  9. Dani, sempre tento ler blogs, pois sinto muita falta da época que eu blogava. Para a minha vergonha, eu quase nunca comento os posts, mas sempre leio os seus e hoje decidi dar uma fuçada. Eis que acho esse post… Juro, quis imprimir e colocar no meu mural, só pra saber que as pessoas sofrem como eu sofro! O meu problema é que eu engordo e emagreço muito rápido, e nesse vaivém o número da calça muda junto (2 kg a mais = 1 número acima no manequim)… Fico doida, nunca sei nem qual número da calça pegar para experimentar! Enfim… Sei que você já postou isso faz um tempo, mas só quero agradecer pela risada que você me fez dar dos meus, digo, nossos próprios problemas!

  10. Daani, adoro sua escrita!
    Eu tenho dificuldade para achar quase tudo.. ;x porque sou magra e fazem peças muito grandes 9shorts 34 ficam grande dependendo a marca) rs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s