52 semanas: coisas pra se fazer no frio

Esse post faz parte do desafio 52 semanas. Para entender melhor do que se trata, clique aqui.


 

O frio chegou forte por aqui e devo confessar que não sou (mais) tão fã assim desse tempo. Já gostei bastante de frio, mas isso foi em uma época em que 1) eu vivia em uma cidade muito mais quente e 2) eu tinha vergonha do meu corpo e o inverno era uma boa oportunidade para escondê-lo debaixo de algumas camadas de roupa.

As coisas mudaram muito. Hoje, tenho a autoestima bem mais alta e me sinto muito mais confortável em um vestido levinho ou um simples par de short e camiseta do que com pesadas blusas de frio e muitas camadas de roupa. Além disso, moro boa parte do ano em São Carlos, conhecida (também) como cidade do clima. A princípio, tomei isso como algo bom, mas hoje não consigo deixar de sentir certa ironia nesse título. São Carlos tem um clima maluco, muito parecido com o de São Paulo, onde, em um único dia, ocorrem as quatro estações do ano. Aqui pode amanhecer com neblina, fazer calorão e céu azul à tarde e cair uma tempestade de raios à noite. Em um dia, pode chover muito e, no dia seguinte, a umidade relativa do ar estar em um nível crítico. (Não, não estou exagerando.) Mas o pior, na minha opinião, é o frio. Além das baixas temperaturas, aqui venta muito, jogando a sensação térmica para um dígito muito fácil. Desde meu primeiro inverno aqui, passei a odiar frio. Ele acaba com a minha produtividade, me faz ter vontade de me enfiar debaixo dos cobertores e não sair nunca mais, além de sempre me causar gripes e alergias. Apesar disso, nem tudo são trevas, tudo tem um lado bom. Algumas coisas ficam melhores no frio e outras podem tornar o tempo menos desagradável. Algumas delas estão no post de hoje.

Coisas pra se fazer no frio

Tomar cappuccino

Não sou muito fã de bebidas quentes – embora ache charmoso estar com uma caneca fumegante nas mãos (?), mas amo cappuccino de paixão. Com chantily e boa companhia, é melhor ainda!

Assistir um bom filme debaixo das cobertas

Filme é bom o ano inteiro, mas é mais gostoso quando dá para se aninhar no sofá com um cobertor quentinho e um pote gigante de pipoca.

Ler

“Um dia frio, um bom lugar pra ler um livro”, como canta Djavan.

Dormir

Já disse aqui que não sou de dormir muito e que acordo muito mal se durmo por mais de 7 horas. Mas, no frio, dormir fica tão gostoso que acabo não resistindo à tentação e depois sofrendo horrores para sair da cama e enfrentar não só o tempo gélido, como aquela sensação de ter sido atropelada por um caminhão.

Tomar sol

Não digo tomar sol como se faz no verão, para se bronzear – o que é algo que eu não tenho paciência nem vontade alguma de fazer; digo passar um tempinho sob o sol, se aquecendo e curtindo o ar livre sem sofrer muito com o frio.


 

Decidi escrever sobre o frio hoje justamente porque, nesse momento, meus dedinhos estão gelados sobre o teclado e fazem 12°C lá fora. Melhor do que minha abordagem clássica de reclamar muito do tempo, é procurar coisas que sejam gostosas de fazer no frio. Então, não deixem de comentar o que vocês gostam de fazer nessa época, seja porque o tempo favorece, seja para levantar o moral, como as dicas desse post amor do Vida Organizada.


 

Ilustração do topo: Inslee

Anúncios

3 comentários sobre “52 semanas: coisas pra se fazer no frio

  1. Eu costumava amar o frio também, mas nossa, como me deixa improdutiva. Não tenho vontade de fazer nada, nem de sair da cama (muito menos, aliás). Eu amei essa lista. Essas são as únicas coisas que fazem o frio valer a pena. hahahaha
    Beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s