Linkagem de Segunda #44

Essa semana, aconteceu uma coisa muito louca: eu coloquei minhas leituras virtuais em dia. (Ou quase, porque a pasta de newsletters está cheia.)

No final de 2013, com mais de 900 links salvos no Pocket e sem ter nem noção do que encontraria ali, fiz um “intensivão”: em 20 dias, abri link por link decidindo o que fazer com cada um, até não ter um linkezinho sequer para contar história. Decidi, naquele momento, que precisava de um método (amo métodos) para aproveitar melhor o Pocket, e que o transformasse também em uma caixa de entrada do GTD. Contei sobre este processo todo neste post aqui.

Hoje, sigo usando tal método e o Pocket segue sendo um repositório de conteúdo online e uma caixa de entrada do GTD e tudo tem fluído bem graças às tags e às revisões diárias. Porém, tenho este FOMO e quero ler absolutamente tudo o que meus blogueiros favoritos escrevem e indicam e isso quer dizer que entra uma quantidade muito grande de links no meu Pocket diariamente e eu não consigo ler/assistir/lidar com estes links na mesma velocidade. O resultado disso é um Pocket sempre muito cheio, especialmente de textos esperando para serem lidos. No final de abril, decidi que precisava fazer outro “intensivão”, declutter, limpeza ou qualquer palavra que caiba aqui. Terminei estes dias e é por isso que a linkagem desta semana está ridiculamente gigante.


Há algumas semanas, uma das minhas gente que escreve na internet (e fora dela) favorita, a Aline Valek, estava falando lá no Twitter sobre a cultura do print e o fato de estarmos perdendo o hábito de compartilhar links e ela citou o Sem Formol e as linkagens de segunda e eu fiquei tão feliz que mostrei o tweet pro meu pai. Alguns dias depois, este foi o tema da 112ª edição da Bobagens Imperdíveis e a Aline citou o Sem Formol por lá também e eu estou morrendo de amores. ❤️ O texto é incrível e eu acho que vocês têm quer ler já, então cliquem aqui.


Sobre ser mulher e ser feminista (ou não)

Ninguém é obrigada a ser feminista, Larissa Lemos no Medium

O complicado dilema sobre gays enrustidos e mulheres machistas, Nana Queiroz na AzMina

Igreja Universal do Reino do Feminismo, Marjorie Rodrigues

“Nunca quis ter um filho”, dizem mais e mais brasileiras, Ana de Luna na AzMina

Armar mulheres, castrar agressores e moralizar a sociedade acabaria com os estupros no Brasil?, Nana Queiroz na AzMina

Entre a manipulação da Bíblia e a posse da Vagina, Eliane Brum no El País

Sobre cultura pop e arte (e um pouquinho mais de feminismo)

Kanye is a creep: arte não justifica assédio, Karoline Gomes na Ovelha Mag

Todos os problemas de Clarice Falcão, Anna Vitória no Valkírias

Being Hermione, Fiona no The Escapologist’s Daughter

Personagens femininas em Harry Potter – um adeus aos estereótipos, Lara Vascouto no Nó de Oito

A criação de Margo Roth Spiegelman, Natasha Ferla na Capitolina

Peggy Carter: o valor de uma heroína, Thay no Valkírias

Review: Capitão América: Guerra Civil, Ana Luíza e Thay no Valkírias

O que Legalmente Loira tem a nos dizer 15 anos depois, Fernanda no Valkírias

Reese Whiterspoon, Livre e por que não mulheres?, Anna Vitória no Valkírias

Vivendo outras gerações, Dani Feno na Capitolina

À nossa imagem e semelhança, Aline Valek

Sobre escrever

Nasce uma escritora, Anna Vitória na Pólen

Uma pincelada sobre os perigos da insegurança, a síndrome do impostor e a fragmentação, Analu Bussular no Minha Vida Como Ela É

escrever também é um ato físico, Olivia Maia

Sobre produtividade

Want to be more productive? Don’t go paperless, Chad Hall no Todoist Blog

O GTD tem 5 hábitos, Thais Godinho no Vida Organizada

Para aprender

Diário de sexualidades: um guia incompleto, Laura Pires no Medium

Anúncios

3 comentários sobre “Linkagem de Segunda #44

  1. […] Na semana passada, eu contei que tinha acontecido uma coisa muito louca, que foi o fato de eu ter colocado (parte d)as leituras internéticas em dia. Essa semana, aconteceu uma outra coisa muito louca, que foi o fato de eu ter postado aqui neste mesmo blog algo que não fosse nem uma linkagem de segunda, nem um post sobre como tem sido custosa essa coisa de escrever. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s